logo FlexDev Automação Comercial

Fale Conosco
+ 55 43 3558.1209

Notícias FlexDev

Fique por dentro das novidades dos produtos FlexDev

clientes que comprovaram os benefícios das soluções FlexDev

PEs se rendem aos benefícios do código de barras

  código de barras é um sistema que está a contribuir para a agilidade no atendimento ao cliente e em um controle mais preciso do estoque de uma empresa do comércio. A tecnologia tem conquistado também as micro e pequenas empresas (MPEs). A GS1 Brasil, empresa responsável pela padronização de processos de logística e rastreabilidade na cadeia de suprimentos, firmou uma parceria com o Sebrae para levar a tecnologia do código de barras aos pequenos empreendimentos.

No Sebrae na Bahia, por exemplo, a GS1 capacitou os funcionários do Sebrae para se tornarem multiplicadores dessa tecnologia. Antes da parceria, a GS1 concedia palestras e fazia as apresentações para os afiliados ou aqueles que tinham o interesse na filiação.

O código de barras é uma representação gráfica de dados numéricos ou alfanuméricos. Ele permite uma rápida captação de dados, velocidade nas transações, precisão nas informações e atualização em tempo real e isso implica maior controle, diminuição de erros, gerenciamento remoto, velocidade no atendimento de pedidos e clientes, redução de custos.

Há duas maneiras de implantar o sistema: ou se compra um sistema e cria o próprio código ou implanta-se o código GS1. O primeiro só pode ser lido no próprio estabelecimento e o segundo é lido em qualquer estabelecimento no Brasil e no mundo.

Para implantar os códigos de barras GS1 é necessário:

 Filiar sua empresa à GS1 Brasil, esse procedimento vai fornecer o Prefixo GS1 da Empresa, isso é feito pelo site da empresa. É importante providenciar todas as informações da empresa e produtos, como: área de atuação da empresa; motivo de filiação; tipo de produto; quantidade de produtos.

 Criar a identificação dos Itens Comerciais; isso é de responsabilidade do empreendedor, a GS1 lhe fornece o seu prefixo e a quantidade de itens e o número de referência do produto é atribuído pelo detentor da marca.

 Escolher quais os tipos de códigos de barras e aplicações, o mais utilizado é o EAN-13 e deve ser, de preferência, preto e branco; produzir e aplicar o código de barras além de colocar as informações técnicas e de qualidade do produto; por fim, gerar os códigos de barras.

Manter-se ativo junto à GS1 Brasil.

Os investimentos para um pequeno empreendedor implantar o sistema de código de barras podem chegar, em média, a R$ 2.000,00. Conheça a variedade de tipos de código de barras, que vão desde o mais simples código de barras linear a códigos bidimensionais, que agregam mais informações adicionais.

Fonte: http://www.sebrae.com.br/setor/comercio-varejista

Conheça mais detalhes de nossas soluções:

Forte Premium

Forte Premium

Automação Comercial para Empresas Pequenas e Médias

Forte Standard

Forte Standard

Automação Comercial para Empresas Pequenas e Médias em expansão

Forte Start

Forte Start

Automação Comercial para Novas Empresas

Veja Também:

plavision desenvolvimento web